segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

-com o peito em flor-






Com o peito em flor, ultrapasso os limites de meus horizontes a criar linhas de excedência, a fazer de meu presente um campo expandido de pura experimentação sensível
Ocorreu um erro neste gadget